Quem somos nós?

Não somos o que pensamos.
O que nos representamos sobre nós e o mundo são apenas pensamentos, construções imaginárias associadas a memórias que em si mesmas são transformações, generalizações e omissões de acontecimentos da nossa vida. Não só nos imaginamos a nós mesmos e ao mundo como, praticamente, nem sequer temos controlo sobre o que pensamos.
O que pensamos são produtos do inconsciente que se reflete em comportamento também naturalmente inconsciente. Segundo o que li, segundo investigações em neurociência, o nosso comportamento nem chega a ser por 5% consciente.
Se calhar nunca seremos donos da Verdade, nem controlaremos nunca totalmente as nossas vidas. Nem isso possivelmente seria uma mais-valia.
Mas conhecer melhor as estruturas e padrões do que se passa na nossa mente e encontrar uma correlação maior entre o pensamento e a ação é, penso eu, altamente desejável. Nada de sonhos exagerados frutos da publicidade do sucesso, excelência e coisas do género, mas sobretudo uma harmonia maior como resultado de um ajustamento entre o conhecimento de padrões mentais e os resultados a alcançar desenhados nos nossos sonhos, realizados por comportamentos mais adequados e ecológicos.
É o que pretendemos nos nossos cursos de PNL. Em geral podemos constatar como resultado, não propriamente a euforia de gritos de vitória mas, o mais importante, uma sensação de Paz. Quem não deseja um resultado destes? Depois de 13 anos de trabalho em Portugal (fomos os primeiros no país a certificar internacionalmente) e uma exigência crescente de investigação séria, trouxe-nos a este ponto: – a partilha de conhecimentos e experiências de uma PNL exigente em que nos dispomos abertamente a revelar todos segredos que encontrámos nesta metodologia da diferença.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *