“Sair da caixa”, uma iniciação com sumo

A espantosa metodologia da Programação NeuroLinguística encontra-se finalmente em grande desenvolvimento no país. Fornecemos aqui informação que nos parece relevante na situação atual.
Embora a oferta de introduções à PNL cresça constantemente em Portugal, achamos importante continuar a oferecer esporadicamente o curso em que fomos dos pioneiros.
Fomos o primeiro instituto oficial de PNL em Portugal e os primeiros a certificar com base em normas internacionais; damos enorme importância aos processos pessoais e à ecologia; colocamos a qualidade acima de interesses financeiros; seguimos os desenvolvimentos da PNL no mundo e não nos cingimos a uma abordagem de PNL em particular. Novos desenvolvimentos e conceitos de PNL fazem parte dos nossos programas.
Escolhemos nos cursos por evitar tudo o que assente em axiomas estranhos à epistemologia da PNL.
O nosso lema metafórico é “a caminho do cerne, a partir do cerne”. Todo o trabalho é um processo ao encontro da nossa “verdade” individual para agirmos a partir dela num quadro ecológico.
“Sair da caixa” é o tema inspirador deste curso de iniciação “Atingir mais de forma mais fácil”. Apesar dos escassos 2 dias, prometemos, de forma prática, profundidade e esforçamo-nos para transmitir aquilo que percebemos como sendo a essência desta epistemologia e método de mudança e melhoria da comunicação:
• Concretamente abordamos no curso o equivalente a um número enorme de formações tradicionais na medida em que abarcamos diversos aspetos da comunicação;
• Saímos do curso com uma maior compreensão e utilização dos mecanismos do funcionamento da mente;
• Tomamos consciência de elementos para desprogramar limitações;
• Ancorarmo-nos com programas que nos facilitam mais a vida;
• Percebemos o que é uma realização pessoal com mais resultados;
• Aprendemos a concretizar e realizar objetivos de forma mais fácil;
• Abrimos as possibilidades para uma maior harmonia em nós e nas nossas relações e uma crescente paz interior;
• Vamos conhecer as bases para criar maior empatia, e assim melhorar as relações;
• Percebemos as condições para sucesso na neutralização de limitações;
• Ficamos mais alerta para perceber melhor as mensagens escondidas por detrás da linguagem expressa pelo outro;
• Abrimos possibilidades para encontrar novas maneiras mais elegantes de comunicarmos connosco evitando desgastes stressantes;
• Libertamo-nos de algumas possíveis cargas negativas da nossa história e tiramos aprendizagens do passado para utilizar na realização dos nossos sonhos no futuro

 

1 comentário

  • Muito boa tarde José Figueira,
    acabei de partilhar o seu site por aqui pelo facebook, embora de momento me seja impossível de todo investir nesta fabulosa descoberta de mim mesma, assim que possível fa-lo-ei.
    Muito obrigada por tudo!
    Maria

    Maria José Mata da Silva Responder

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *