Tempo de férias

Mergulhe nele, no nada. Experimente a inteligência do vazio.
À beira mar, o melhor será num lugar deserto se tem dificuldade em concentrar-se.
Olhe o céu na sua frente lá muito longe e concentre-se num ponto os olhos um pouco levantados fixados nesse horizonte longínquo.
Mantenha os olhos fixos e com toda a sua atenção dirija o olhar para além desse ponto, por detrás, lá muito longe e deixe-se ir, com toda a sua consciência de si, para lá do espaço… respire fundo… para lá do tempo…
Desfrute deste momento único de férias. Deixe-se perder no sem espaço nem tempo.
Encontre-se consigo no infinito da vida!
E muito possivelmente encontra dentro de si o sorriso dumas férias bem merecidas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *